HELLO GANHA COMUNIDADES ‘SEM DONOS’ PARECIDAS COM AS DO ORKUT

Após o pedido de brasileiros, a Hello — nova rede social do fundador do Orkut — trouxe de volta as comunidades para a plataforma. Quem não se lembra dos coletivos “Eu odeio acordar cedo” ou “Pensei que era sorvete, mas era feijão”? Com o fim da rede social do Google, as 51 milhões de comunidades do Orkut viraram arquivo e deixaram muita saudade. Algumas chegaram a reunir quatro milhões de membros, promovendo fóruns de discussão engraçados ou de temas mais sérios, aproximando as pessoas. Aos saudosos, Orkut Buyukkokten, ex-Google e criador da rede social, lançou a Hello, que não tardou a reviver funções e se destacar no Brasil. Agora, as comunidades mudaram e são: abertas a todos, com posts públicos e que não tem donos fixos.
“Uma vez que o produto está pronto, é preciso estar preparado para fazer adaptações, construindo o que os clientes querem e não tentando forçá-los a usar o produto que desejamos”, explica Buyukkokten. Sendo assim, os pedidos vindos do Brasil foram ouvidos e as comunidades voltaram no novo app.

Hello ganha comunidades parecidas com as do Orkut (Foto: Carolina Ochsendorf / TechTudo)

Hello ganha comunidades parecidas com as do Orkut (Foto: Carolina Ochsendorf / TechTudo)

 

Embora se pareçam com as comunidades do Orkut, as comunidades da Hello tem algumas particularidades: são abertas a todos e não necessidade de autorização para um membro entrar e participar, funcionam em esquema de fórum, não tem donos — os usuários mais participativos ganham liderança e reputação na comunidade — são móveis e foram desenhadas para funcionar bem em celulares com Android e iOS (iPhone), são todas criadas por usuários com foto nas personas e conteúdo vai para o feed público, que a rede social chama de folio — os jots (posts) criados nas comunidades ficam relacionados à persona e publicados no folio. As comunidades da hello permitem ainda conversar em tempo real nos espaços de chat e, para criar uma nova, é preciso “estar ativo”.

Um alerta, porém, informa “Crie comunidades de graça. Oferta por tempo limitado”. Como se sabe, algumas funções da hello são pagas com moedas virtuais — testamos a Hello; veja como funciona.

Qualquer pessoa pode criar uma nova comunidade na Hello (Foto: Carolina Ochsendorf / TechTudo)

Qualquer pessoa pode criar uma nova comunidade na Hello (Foto: Carolina Ochsendorf / TechTudo)

Embora tenha prometido para breve uma versão web, a hello ainda está atualmente disponível apenas para celulares com Android Lollipop, Marshmallow e KitKat, e a partir do iOS 8 (iPhone e iPad).

Orkut explica como foram criadas as comunidades da Hello

Buyukkokten explicou as novidades. Segundo o desenvolvedor turco, brasileiros lotaram caixas de mensagens privadas, enviaram jots (posts) e entraram em contato com a equipe de suporte pedindo por comunidades. E, ainda que seja um outro momento de uma plataforma diferente, as comunidades da Hello tem algumas semelhanças com as do Orkut: são grupos baseados em interesses, têm interações semelhantes com um fórum de tópicos e mensagens e posts anônimos (jots).

A lista de diferenças, porém, é ainda maior. Além do fluxo no feed das personas, há um componente especial: funciona em celulares, mudando um pouco a natureza dos usuários de desktop frequentadores de fóruns.”A Hello é ‘mobile first experience’ [dedicada aos celulares] e está disponível em dispositivos iOS e Android. Já as Comunidades do Orkut foram todas baseadas no navegador e na web. Mas estamos planejando lançar uma versão da web da Hello em breve”, disse o desenvolvedor.

Orkut explica ainda que as novas comunidades oferecem chat ao vivo e posts também aparecem também “fora de uma comunidade”, no feed de personas. “Por exemplo, se você postar na sua comunidade ‘Fluffy Cats’ que pertence à persona do Donos de Gatos, os membros de sua comunidade e os membros/seguidores da persona verão o seu post”, detalha. Em breve, estão previstos eventos em comunidades da Hello, uma função que não existia no Orkut e que faz muito sucesso no Facebook.

Entretanto, a volta ao passado é inevitável. Com o fim do Orkut, muitas pessoas gostariam de ter suas comunidades de volta, o que é possível. “Gostaríamos que todos recriassem as comunidades que mais gostavam do Orkut. Nós vemos a Hello como um novo capítulo e a continuação de uma grande jornada. Gostaríamos também que nossos membros criassem e promovessem novas comunidades”, encerra.

O preview das comunidades já estava disponível nos Estados Unidos. Entretanto, o Brasil é o primeiro país em que o recurso foi lançado publicamente, dado o sucesso que a função teve na época do Orkut.

 

FONTE: http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2017/01/hello-ganha-comunidades-sem-donos-parecidas-com-do-orkut.html

Categories: TECNOLOGIA

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Powered by themekiller.com