Promotor de Justiça – núcleo Itaperuna pede o afastamento cautelar do secretário municipal de educação Franciney Luiz de França na ação de improbidade administrativa da contratação da merenda escolar

Em sua emenda à inicial, a Promotoria de Justiça alega que o Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, acolheu o Agravo de Instrumento, referente à fraude nos “Kits Escolares”, impetrado pelo secretário França Bombeiro, determinando a sua volta a pasta (processo nº 0031697-10.2018.8.19.0000), porém, sustenta em sua peça, a necessidade do afastamento, ponderando, entre outras razões seguinte para o pedido:

 “Diante de todas as fraudes praticados pelo Réu Franciney na sua gestão como Secretário Municipal de Educação, o seu afastamento do cargo é salutar para a aparente boa prática administrativa permanecer.

Além disso, considerando os antecedentes do Demandado receia o Ministério Público no cometimento de novas fraudes em detrimento de interesse que deveria ser tratado ser tratado como prioridade absoluta pelo Município, qual seja o direito das crianças e dos adolescentes”.

O processo se encontra concluso ao juízo da Vara da Fazenda Pública, que ira decidir em sede de liminar.

 

Fonte: Processo nº 0007293-11.2018.8.19.0000

Foto : Internet      

Categories: POLÍTICA

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Powered by themekiller.com